Notícias

a1

CONSULTÓRIO MONTADO NO CONJUNTO PENAL DE ITABUNA REALIZA 63 CONSULTAS OFTALMOLÓGICAS

Uma verdadeira clínica oftalmológica foi implantada temporariamente no Conjunto Penal de Itabuna (CPI), visando a agilizar os atendimentos nessa especialidade para internos que necessitem desse acompanhamento. Durante três dias (22, 23 e 24), foram realizadas 63 consultas e exames com os oftalmologistas Bernardo Henriques e Caio César.

De acordo com o diretor do CPI, Adriano Valério Jácome da Silva, havia uma grande demanda por atendimentos oftalmológicos na unidade, o que motivou a busca pela solução interna.  “Acionamos a empresa cogestora, que providenciou a implantação dessa clínica provisória aqui mesmo, na unidade”, afirma o diretor.

A iniciativa foi executada pela empresa Socializa – Soluções em Gestão, que operacionaliza a unidade em regime de cogestão com o Governo do Estado.  Foram utilizados diversos equipamentos, como oftalmoscópio, auto refrator e Greens, para realização de exames como oftalmoscopia e refração.

Os pacientes que tiveram indicação de exames complementares serão encaminhados para a rede pública ou, se a família assim desejar, para a particular, a fim de continuar o tratamento. Os óculos ou as novas lentes que foram prescritos devem ser providenciados com recursos dos próprios internos e seus familiares.

Exames realizados

Oftalmoscopia – Realizado para checar as condições do fundo do globo ocular, a oftalmoscopia, observa regiões como retina, disco óptico, coróide e vasos sanguíneos. O objetivo é identificar possíveis consequências do glaucoma, diabetes ou hipertensão nos olhos do paciente.

Exame de refração – O exame de refração é o clássico dos consultórios oftalmológicos. É por meio dele que o médico checa a necessidade de adoção de lentes corretivas. Ele verifica a acuidade visual do paciente com a ajuda de um projetor e do Greens.

O primeiro utiliza letras, números e desenhos a uma determinada distância do paciente, enquanto o segundo, equipado de um conjunto de lentes corretivas, ajuda a definir qual o grau de correção que o paciente necessita para retomar sua acuidade visual.

a3

a2

Arquivos
Conjunto Penal de Lauro de Freitas realiza Multidão de Atendimento Psicosociopedagógico.
O governador Jerônimo Rodrigues visitou o projeto Semeando a Liberdade no Bahia Farm Show e conheceu de perto as iniciativas de ressocialização e produção de hortaliças orgânicas na unidade prisional.
Senar Bahia é parceiro do Conjunto Penal de Barreiras no Projeto Semeando a Liberdade
Conjunto Penal de Vitória da Conquista promoveu o Hiperdia em parceria com Médico Especialista em Endocrinologia e Metabologia, Doutor Marcos Prates
Conjunto Penal de Barreiras promove atividades em alusão ao maio laranja

Em conformidade com a política de atendimento socioassistencial à pessoa privada de liberdade, e com a garantia de direitos, o Conjunto Penal de Lauro de Freitas (CPLF), através da SOCIALIZA

//
12 de junho de 2024

O governador Jerônimo Rodrigues conheceu, na manhã dessa terça-feira (11), o projeto Semeando a Liberdade, do Conjunto Penal de Barreiras (CPBa), durante sua passagem pelo estande do Sindicato dos Produtores

//
12 de junho de 2024

O projeto Semeando a Liberdade, no Conjunto Penal de Barreiras, ganhou uma importante parceria para o desenvolvimento das atividades laborativas com os internos. Em atividade desde maio de 2023, o

//
7 de junho de 2024

O grupo de diabéticos integrantes do projeto HiperDia, do Conjunto Penal de Vitória da Conquista, participou, nesta sexta-feira (31), de uma avaliação Médica com o Endocrinologista Marcos Prates. A atividade

//
3 de junho de 2024

O Setor de psicologia do Conjunto penal de Barreiras, promoveu uma atividade para reeducandos acusados de crimes sexuais. O mês é marcado pela Campanha maio laranja, que tem por objetivo

//
22 de maio de 2024