Notícias

22

INAUGURADO O POSTO DO INSTITUTO PEDRO MELLO NO CONJUNTO PENAL DE ITABUNA

Autoridades, servidores estaduais e funcionários estiveram presentes hoje (dia 20), no Conjunto Penal de Itabuna, para a inauguração do Posto do Instituto de Identificação Pedro Melo naquela unidade. O equipamento vai facilitar o acesso de pessoas privadas de liberdade aos documentos de identificação, bem como à inscrição no Cadastro de Pessoa Física (CPF). O evento foi conduzido pelo chefe de Gabinete e secretário em exercício Carlos Eduardo Sodré, da Secretaria de Administração Penitenciária (Seap).

1
O posto será operacionalizado pela empresa Socializa, cogestora do Conjunto Penal de Itabuna. Dois funcionários da empresa foram treinados pelos peritos do Instituto Pedro Mello para fazer a coleta das informações e repassá-las ao órgão, que irá fazer a conferência e emissão do documento de identidade.
O ato de inauguração marcou o início de um novo momento para o trabalho da equipe multidisciplinar de ressocialização do CPI, uma vez que as demandas por documentos – espontâneas ou provocadas – poderão ser atendidas em tempo muito mais reduzido. “Essa é uma ferramenta que muito nos ajudará no processo de ressocialização na unidade”, afirmou o diretor do CPI, major PM Adriano Valério Jácome da Silva.
Por sua vez, o superintendente de Ressocialização Sustentável da Seap, Luís Antônio Fonseca, destacou a importância do posto no interior da unidade prisional como uma forma de melhorar o acesso das pessoas privadas de liberdade ao trabalho, à educação e às diversas oportunidades  de reinserção social. “Além de Itabuna, já inauguramos um posto semelhante em Lauro de Freitas e vamos estender a todas nossas unidades”.

4
Ele enfatizou as conquistas no campo da ressocialização destacando as parcerias com a prefeitura de Vitória da Conquista, de Lauro de Freitas, com o Judiciário e com o próprio Governo do Estado, por meio de diversas secretarias, que empregam pessoas privadas de liberdade. “Esse é um grande avanço, porque estamos superando aquela visão de que essas pessoas só podem trabalhar em serviços braçais. Estão no serviço braçal, e também nos órgãos públicos, de acordo com suas aptidões”, destacou o superintendente.
Representando o secretário Nestor Duarte, o chefe de Gabinete Carlos Sodré fez questão de destacar o trabalho da secretaria e do próprio Governo, que tem reduzido o déficit de vagas no sistema prisional. “Como membro do Conselho Nacional de Política Criminal e Penitenciária (CNPCP), tenho observado que a Bahia é um dos estados com menor déficit de vagas. Seremos um dos primeiros estados a zerar essa deficiência de vagas, o que significa que teremos um sistema mais voltado à ressocialização, por ter melhores condições de convivência”.
Para o secretário em exercício, essas ações, somadas ao combate e, especialmente, à prevenção da prática delituosa, por meio do fortalecimento da educação, fará com que, no futuro, a finalidade da Seap esteja menos voltada à gestão dos presídios e passe a ser mais afeita ao trabalho de ressocialização. “A inauguração do Posto do Instituto Pedro Mello, nesse contexto, é de suma importância, por garantir o exercício da cidadania a pessoas privadas de liberdade com celeridade na emissão de seus documentos”.

 

3
Também participaram do evento o diretor-adjunto do CPI, Bernardo Cerqueira Dutra, o presidente da subseção local da OAB, Edmilton Carneiro; o coordenador local do Instituto Pedro Mello, Alberto Durão; o capitão PM Leonardo Jadiel (Esquadrão de Polícia Montada de Itabuna); e o diretor de Vagas da Seap, Julival de Jesus, que representou o superintendente de Gestão Prisional, major PM Júlio César Ferreira dos Santos.

5

Arquivos
Conjunto penal de Barreiras promove curso de qualificação profissional
Mutirão jurídico movimenta unidade de Itabuna
Conjunto penal masculino de Salvador realiza ação de odontologia
Colaboradoras do Conjunto Penal de Vitória da Conquista realizam curso do CNJ
Círculo de construção de paz é realizado na unidade de Salvador

Em parceria com o SENAI e SEAP, o conjunto penal de Barreiras promoveu um curso profissionalizante de pedreiro polivalente, com carga horária de 160 horas. A atividade aconteceu no dia

//
12 de julho de 2024

O conjunto penal de Itabuna em parceria com a Defensoria Pública da Bahia, realizou um mutirão jurídico referente ao segundo semestre de 2024. Itabuna é a primeira cidade do interior

//
9 de julho de 2024

A equipe de odontologia do Conjunto penal masculino de Salvador, promoveu uma ação para 114 reeducandos no início do mês de julho. O encontro aconteceu no solário da unidade, com

//
4 de julho de 2024

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ), realizou entre os dias 04 e 06 de junho, o 3° ciclo de capacitação online da ação nacional de identificação civil e emissão de

//
25 de junho de 2024

A Justiça Restaurativa realizou um círculo de construção de paz com 487 custodiados do conjunto penal masculino de Salvador. Com início em 19 de junho de 2024, a atividade acontecerá

//
25 de junho de 2024