CONJUNTO PENAL DE BARREIRAS PROMOVE SARAU CULTURAL EM HOMENAGEM AO DIA DA LIBERDADE DO PENSAMENTO

O Dia da Liberdade, comemorado no dia 14 de julho, foi lembrado no Conjunto Penal de Barreiras. Diante do atual cenário de pandemia bem como de restrições na unidade prisional, optou-se por realizar um momento lúdico, o “I Sarau Cultural”, que contemplou demonstrações de arte e cultura com intuito de estimular a livre expressão por parte dos internos do Conjunto Penal de Barreiras.

O Setor de Psicologia da unidade, composto pelos psicólogos Lorrany Vieira Lopes e Luiz Eduardo de Castro Nascimento, apostou na importância de realizar um momento de reflexão que pudesse instigar não somente debates pontuais, mas também gerar produção e externalização de saberes. O Sarau oportunizou a expressão de sentimentos e emoções, desenvolvimento de autoestima, redução do tempo ócio, liberdade de expressão, autonomia, empoderamento e potencialidades artísticas.

A participação dos internos ocorreu por meio de inscrições, com antecedência, nas categorias Músicas Autorais; Músicas Não Autorais; Poemas Autorais; e Poemas Não Autorais. O evento contou com a presença do convidado músico e escritor Robson José Batista, que realizou a abertura e compôs a mesa de jurados/avaliadores.

Ao todo participaram 23 reeducandos das três galerias da Unidade Prisional (A, B e C), os quais se apresentaram de forma não linear. Os finalistas irão receber como prêmio de incentivo o registro das suas composições para reconhecimento de direitos autorais, bem como um almoço com cardápio de sua escolha.

Após as apresentações, enquanto havia a apuração dos votos, foi servido o lanche e aberta oportunidade para demais expressões artísticas e agradecimentos.

O projeto teve o apoio, incentivo e participação do diretor da Unidade, major PM César Elpídio do Sacramento Almeida, da gerente administrativa, Marcília Menezes, do gerente operacional, Marcos Antônio, da coordenadora de Saúde,  Milena Novais e dos demais colaboradores do Corpo Técnico, da Segurança e do Setor Administrativo.

Acredita-se, diante da devolutiva dos colaboradores e, principalmente dos internos da unidade, que o objetivo do projeto foi plenamente alcançado, e todos  já aguardam pela próxima edição do Sarau Cultural.