PROJETO “TRABALHANDO AS EMOÇÕES” É REALIZADO NO CPMS

Uma atividade realizada com os internos do regime provisório – que não recebem visitas – no CPMS, tem buscado fomentar reflexões das diversas emoções e sentimentos, evitando a perda informações de eventos e vivências, que tendem a ser esquecidas com o passar dos anos. Trata-se do projeto “Trabalhando Emoções”, que foi realizado no dia 17 de fevereiro e terá seguimento durante o mês de março.

O projeto trabalhou, no primeiro momento, com o filme DivertidaMente, que estimula a ideia de que não é errado agir emocionalmente, pois as emoções estão inextricavelmente entrelaçadas com a cognição e a razão, sendo parte essencial na construção e re-construção da nossa mente. As emoções nos guiam, gerando assim respostas emocionais pertinentes, as quais foram ampliadas e refletidas com cada um dos participantes.

A abordagem parte do pressuposto de que a memória é imperfeita e deixa as emoções serem parte da reconstrução desse passado, presente e futuro, e que os indivíduos devem aprender a lidar com seus sentimentos, incorporando-os ao seu dia a dia e não reprimindo-os.

Com isso, pode-se e deve-se retratar a importância de cada sujeito no seu trabalho de autopercepção e junto à sociedade, mesmo estando privado de liberdade. Assim, nenhuma emoção pode ser ignorada, sendo todas importantes para o desenvolvimento pessoal de cada um, trazendo seu histórico de vida.