CINEMA NO CPLF

través do projeto “CinePsi”, o Serviço de Psicologia do Conjunto Penal de Lauro de Freitas, elegeu o cinema como uma das ferramentas para promover projetos e ações que visam dirimir desigualdades e assegurar a manutenção da dignidade dos que estão submetidos à realidade do sistema prisional. A justificativa é que o cinema como mecanismo de arte educa, conscientiza, sensibiliza, nos faz pensar, sentir e reavaliar conceitos.
O primeiro filme exibido pelo projeto foi “À procura da Felicidade” que retrata uma história, baseada em fatos reais, sobre superação e perseverança. A exibição contou com a participação de doze internos, que ao final, no momento disponibilizado ao debate, expressaram as suas percepções e questionamentos a respeito da obra assistida.
Os internos demonstraram que tiraram lições de vida, sobre as dificuldades enfrentadas por eles no processo de ressocialização, ao verbalizarem suas percepções. “Foi bom pra ver que mesmo na dificuldade a gente pode vencer”; “O filho foi quem deu força pra ele não desistir”. Eles também aprovaram a iniciativa, como estratégia de manutenção da saúde mental. “Um filme, às vezes, é bom pra distrair nossa mente”, observou um dos beneficiados.

cine2

cine1