CONJUNTO PENAL DE VITORIA DA CONQUISTA E CENTRO DE DERMATOLOGIA SANITÁRIA PROMOVEM CAPACITAÇÃO EM MANEJO CLINICO DA TUBERCULOSE

Em alusão ao dia Mundial da Tuberculose, celebrado em 24 de março, o Conjunto Penal de Vitoria da Conquista em pareceria com o Centro de Dermatologia Sanitária promoveram nesta terça feira (20) uma capacitação em manejo clinico da tuberculose direcionada aos profissionais de saúde da Unidade.
Os profissionais do posto de saúde penitenciário do CPVC foram atualizados sobre o manejo clínico dos pacientes e a respeito do teste rápido para diagnóstico de tuberculose, que tem capacidade de detectar a presença do bacilo causador da doença em apenas duas horas.
Segundo dados do Ministério da Saúde, o risco de adoecimento por tuberculose em populações privadas de liberdade é 28 vezes maior do que nas demais pessoas, devido ao ambiente fechado que favorece a proliferação da doença. “A partir do momento que é feito o diagnóstico da tuberculose, inicia-se a medicação e após 15 dias de tratamento o paciente já não transmite mais a doença. O tratamento dura em média seis meses”, informou a Coordenadora de saúde / SEAP, enfermeira Mércia Mendonça.

Origem da data
Em 24 de março de 1882 que Robert Koch anunciou a descoberta da causa da tuberculose – o bacilo TB – o que seria o início do diagnóstico e da cura da tuberculose. Assim, no centenário da data, em 1982, a Organização Mundial de Saúde (OMS) e a União Internacional Contra Tuberculose e Doenças Pulmonares decidiram criar o Dia Mundial da Tuberculose. O objetivo deste dia mundial de combate à tuberculose é alertar a população sobre a doença e erradicar completamente a doença.
O diretor do Conjunto Penal, Cap. PM Gilberto Silva, afirmou que esse foi mais um momento de aprendizado para todos. “Agradeço a colaboração da equipe do Centro de dermatologia Sanitária, que auxiliou, tirou dúvidas e apresentou atualizações sobre o tema. São ações que trazem benefícios, não só para os internos, mas também para os servidores e funcionários da SOCIALIZA no Conjunto Penal. ”

 

vi2

vi1